feminefisioterapia

A Prática da Massagem

Posted on: 21/05/2011

O valor terapêutico da massagem estende-se além do relaxamento, embora este seja curativo e produza uma série de benefícios. A maior parte dos movimentos de massagem tem como efeitos terapêuticos adicionais o alívio da tensão muscular e a melhora da circulação. Entretanto, algumas técnicas são chamadas de “aplicadas” porque são usadas para atingir um objetivo específico, por exemplo, para melhorar a drenagem linfática ou estimular o peristaltismo do cólon. Sua utilização é determinada pela condição que está sendo avaliada; invariavelmente, a massagem é aplicada não para curar um distúrbio, mas para tratar alguns de seus sintomas. Em alguns casos, porém, a massagem é contra-indicada, devido à natureza da patologia envolvida. Consequentemente, a massagem jamais deve ser realizada “por receita”.

Qualquer método por massagem deve ser precedido de uma avaliação clínica completa do paciente, ou cliente. Não seguir essa “regra de ouro” seria muito antiprofissional por parte do terapeuta. Uma avaliação fornece ao terapeuta todas as informações relevantes sobre o paciente e ajuda a revelar qualquer condição crucial que possa ser uma contra-indicação; também fornece uma estrutura para o tratamento. Realizar a avaliação não significa, contudo, que o terapeuta esteja em posição de fazer um diagnóstico clínico, o que, na verdade, os terapeutas não devem tentar fazer!

Fonte: Cassar, 2001

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: