feminefisioterapia

Archive for outubro 2011

A Organização Mundial de Saúde recomenda que as crianças sejam amamentadas até os dois anos de idade ou mais e que recebam somente leite materno até os seis meses. Porém, pesquisa nacional realizada pelo Ministério da Saúde em 2008 revelou que metade das crianças brasileiras tem a amamentação exclusiva interrompida antes de completarem dois meses de vida e já não recebem mais leite materno em torno de onze meses.

Por isso, além das diversas ações de proteção, promoção e apoio ao aleitamento materno que vem sendo desenvolvidas em todo o País, é preciso incorporar novas estratégias de apoio à amamentação envolvendo todos os setores da sociedade.

Como os empregadores podem apoiar?

  • Respeitando e aderindo às leis que protegem a amamentação.
  • Respeitando o período constitucional da licença maternidade.
  • Aderindo à licença-maternidade de seis meses.
  • Respeitando o direito de dois períodos de meia-hora cada para amamentar durante a jornada de trabalho até os seis meses de idade, se a mulher estiver trabalhando neste período.
  • Criando no trabalho condições de amamentação e/ou de extração, coleta e armazenamento do leite materno. Se a mulher tem, na volta ao trabalho, condições para continuar a amamentação, poderá prosseguir dando o melhor alimento a seu filho e protegendo-o contra doenças.

Salas de apoio à amamentação

Na maioria das vezes não há nas empresas ou instituições em geral um lugar apropriado para a trabalhadora que amamenta esvaziar as mamas durante a jornada de trabalho, o que impede que a mulher aproveite o leite retirado para oferecer ao seu filho posteriormente.

Diante desta demanda, algumas empresas brasileiras já criaram Salas de Apoio à Amamentação, destinadas à extração e estocagem de leite materno durante a jornada de trabalho. Não só a dupla mãe-criança se beneficia com a Sala de Apoio à Amamentação. As empresas também se beneficiam com o menor absenteísmo da funcionária, haja vista as crianças amamentadas adoecerem menos.

Fonte: www.saude.gov.br

O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres.  Se descoberto no início, tem mais chances de cura. Olhe, sinta e perceba o que é normal para as suas mamas. Verifique se existe algumas dessas alterações:

  • Caroço acompanhado ou não de dor;
  • Pele da mama vermelha ou com feridas que não cicatrizam;
  • Alterações no mamilo;
  • Abaulamentos ou retrações na pele da mama e/ou mamilo (aspecto semelhante a casca de laranja);
  • Secreção no mamilo;
  • Caroços embaixo das axilas.

Em caso de observar essas ou outras alterações, procure seu médico. Atenção, o autoexame das mamas é importante, porém as visitas rotineiras ao médico não podem ser substituídas, pois o exame clínico das mamas pode detectar tumores de até um centímetro, se superficiais, e a mamografia permite a detecção precoce do câncer, ao mostrar lesões em fase inicial, muito pequenas, medindo milímetros. A saúde é seu bem mais precioso. Cuide-se!

Fonte: inca.gov.br

O que você pode e deve fazer no verão

Limpeza de PeleIndicada para a maioria das pessoas para deixar a pele mais limpa, removendo o excesso de secreção e permitindo que a pele “respire” melhor. É a maneira correta de realizar a extração de microcomedões, comedões abertos (cravos) e fechados, bem como as pústulas de acne (espinhas), evitando a contaminação de outra região facial. Rosto, pescoço, colo e costas são as regiões de tratamento. Os milliuns (pontinhos amarelos que não tem característica de pústula) também são removidos de maneira asséptica. Juntamente com a limpeza de pele, se identificada oleosidade excessiva, faz-se o Desincruste, para remover o excesso de secreção sebácea.

Peeling Químico por GluconolactonaÚnico peeling químico que pode ser aplicado no verão, pois não tem restrições quanto à exposição solar e risco de manchar a pele. Indicado como auxiliar no tratamento de peles envelhecidas, desidratadas, manchadas e sensíveis.

Radiofrequência – Estimula a formação e reorganização do colágeno, tendo como efeito secundário o aumento da hidratação tecidual. Tratamento indicado para flacidez de pele e sulcos. Não necessita de cuidados extras com o sol.

Esfoliação e Hidratação – Indicado para retirar o excesso de células mortas, para posteriormente aplicar uma máscara composta de ativos hidratantes, umectantes, antioxidantes e tensores.

Ionização – Através de corrente elétrica, o procedimento favorece a penetração de princípios ativos anti-aging (anti-envelhecimento).

 

Através do toque, transmitimos segurança, alívio, bem estar… Para todos aqueles amigos Fisioterapeutas que trabalham com ética, dedicação e amor. Para todos os que, diariamente, através de seu trabalho, contribuem para o engrandecimento de nossa profissão, os nossos mais sinceros Parabéns! Neste dia, mais que em qualquer outro, desejamos que nossa profissão tenha o valor que merece. Acima de tudo, desejamos que nós, Fisioterapeutas, saibamos valorizar nossos estudos e nossa profissão!

O senso comum diz que o estresse piora a acne. Mas, cientificamente, os estudos apenas sugerem essa relação. Pesquisa realizada em estudantes de ensino médio verificou aumento das lesões acneicas em época de provas e regressão nas férias de verão. Os mesmos achados foram encontrados em estudantes universitários. Uma justificativa fisiológica para essa afirmação seria o envolvimento do hormônio liberador de corticotropina (CRH), que é o hormônio envolvido no estresse. Receptores deste hormônio estão presentes a nível de glândula sebácea,logo, em situações de estresse, em que o CRH é liberado na corrente sanguínea, ele pode também fixar-se nos receptores presentes na glândula sebácea e desencadear um estímulo à produção sebácea e posteriormente todo o processo em que se desenvolve a acne.

Agora você tem mais um motivo para não se estressar !!! hehehehe

THIBOUTOT D, ZAENGLEIN A. Pathogenesis, clinical manifestations, and diagnosis of acne vulgaris.

Fonte: www.uptodate.com

A reconstrução de mama, desenvolvida com o objetivo de manter a estética e oferecer à mulher mastectomizada um novo sentimento de feminilidade, pode ser realizada no mesmo tempo cirúrgico da mastectomia (imediata) ou meses após (tardia), mas, para que seja realizada a paciente deve apresentar condições clínicas adequadas, principalmente quando são usados retalhos miocutâneos.

As técnicas utilizadas são:

  • próteses – consiste na colocação de prótese de silicone sob os retalhos da mastectomia;

  • expansores – seu objetivo é aumentar a quantidade de tecido na área mastectomizada, formando assim uma bolsa, de forma que quando for trocado pela prótese de silicone definitiva haja uma diminuição na incidência de contratura capsular;

  • retalhos miocutâneos – podem ser utilizados o músculo reto abdominal ou o grande dorsal.

O prognóstico da doença não piora com a realização da reconstrução, seja ela imediata ou tardia.

Embora muito se tenha avançado no que diz respeito aos métodos propedêuticos, diagnóstico precoce e formas de tratamento do câncer de mama, a incidência e taxa de mortalidade da doença continuam alarmantes.

Além de ser heterogênea, com manifestações e repercussões clínicas variáveis, a doença tem impacto psicológico importante desde o momento do diagnóstico até o tratamento e expectativa de vida, e sua abordagem deve ser ampla e atualizada, mas também integrada em seus diversos aspectos.

A escolha do tratamento para o câncer de mama depende da avaliação individual e criteriosa de cada caso. Os parâmetros a serem analisados levam em conta as características do tumor, da paciente e da fase em que é diagnosticada a doença.

A cirurgia constitui uma das etapas mais importantes no tratamento de câncer de mama, incluindo a remoção do tumor e dos tecidos adjacentes e, quase sempre, o esvaziamento axilar.

Fonte: BARACHO, 2007.


%d blogueiros gostam disto: