feminefisioterapia

Archive for março 2012

Você já deve ter ouvido falar muito em vitamina C. Ela é muito boa para melhorar os sintomas de um resfriado bem como melhorar a sua pele. Mas saiba que nós, seres humanos, não a sintetizamos em nosso organismo, ou seja, precisamos buscá-la em fontes externas. A pele sofre mais com essa privação, talvez como medida de defesa do organismo que priva os órgãos nobres dos baixos índices de vitamina C. A dose recomendada diária é de 100 mg em situações normais.

Vitamina C antienvelhecimento

Com o passar dos anos a pele vai se tornando cada vez mais fina, diminuindo o conteúdo de colágeno nela existente. Com a crescente incidência de radiação ultravioleta do sol e a própria exposição sem cuidados, a degradação do colágeno, natural do envelhecimento, e a produção de radicais livres é aumentada.

Nesse contexto, a vitamina C de uso tópico é inserida nos cuidados estéticos faciais em consultório e domiciliares.

Ação na formação de colágeno

Regula a síntese de colágeno tipo I e III, formando uma trama colágena madura e normal. Foi visto que ela é mais estimulante na produção de colágeno tipo I, o mais abundante da pele. Por mais que a degradação colágena seja maior quanto mais anos você acumula, o estímulo à proliferação celular e à síntese de colágeno pelas células da camada dérmica da pele (fibroblastos) é garantida pelo uso de vitamina C em cremes e loções.

Poderosa ação antioxidante

Neutraliza os efeitos nocivos dos radicais livres sobre os constituintes da derme, deixando a pele mais protegida.

Efeito clareador

A vitamina C inibe a ação da tirosinase que é a enzima responsável pela deposição de melanina e formação de manchas.

Mantenedor da integridade dos vasos sanguíneos

A vascularização é essencial para levar nutrientes até a pele bem como levar para excreção os restos metabólicos.

Identifique a vitamina C em cosméticos

Ácido ascórbico é sinônimo de vitamina C. Devido à instabilidade da molécula criaram-se outros componentes que apresentam o ácido ascórbico combinado. Estas promovem a permeação desse ativo na pele potencializando a função do ácido ascórbico. Um exemplo disso é o ascorbosilane.

AZULAY MM, LACERDA CAM, PEREZ MA, FILGUEIRA AL, CUZZI T.Vitamina C. Anais brasileiro de Dermatologia, Rio de Janeiro, 78(3):265-274, maio/jun. 2003.

                                                                                                                             

Sabemos que a amamentação deve ser oferecida sob livre demanda, ou seja, quando o bebê quiser ou sempre que ele tiver fome e por quanto tempo desejar. Mas como identificar se o seu bebê está com fome? Normalmente, a mãe aprende a identificar quando se filho está com fome e abaixo listamos algumas dicas para ajudar você nesse momento.

  • O bebê abre a boca, procura pelo peito, copo ou bico.
  • Faz movimentos ou sons de sucção, lambe os lábios, mostra a língua.
  • Põe a mão na boca
  • Faz movimentos rápidos com os olhos mesmo antes de abri-los.
  • Movimenta a cabeça para frente e para trás, franzindo as sobrancelhas.
  • Fica agitado e pode chorar.

Hoje, completamos 2 anos de nossa Clínica e estamos muito, muito felizes. Agradecemos a Deus pela oportunidade de trabalhar do jeito e com quem a gente sempre quis. Agradecemos também aos nossos familiares e amigos pelo constante incentivo e carinho e aos nossos pacientes pela confiança em nós depositada!!

A todas as mulheres que com raça, determinação de delicadeza conquistam mais e mais espaços na sociedade. A todas mulheres as batalhadoras que, mesmo diante de grandes adversidades, jamais desanimam. A todas as mulheres que valorizam sua saúde e seu bem-estar, os nossos mais sinceros PARABÉNS pelo Dia Internacional da Mulher!


%d blogueiros gostam disto: